GUIA DE IMÓVEIS, IMÓVEL NO EXTERIOR, IMOBILIÁRIO

Como conseguir uma hipoteca em Dubai! Além de simples é um bom negócio.

hipotecas-pares-seixas

Introdução

Com tantos projetos imobiliários privilegiados em Dubai, é fácil se deixar levar com a seleção do imóvel perfeito para investir. No entanto, antes de se decidir em qual você vai investir, pense em como você pretende pagá-lo. Embora em nenhuma parte do mundo o mercado de hipotecas seja tão grande quanto o oferecido no Reino Unido, em Dubai há mais de 30 entidades financeiras que oferecem uma excelente variedade de pacotes de hipotecas, de modo que vale a pena gastar um pouco de tempo para encontrar o melhor negócio para suas necessidades de investimento. É aconselhável obter a aprovação da sua hipoteca, em princípio, antes de começar a olhar para a propriedade, e ter daí o seu cadastro já pré-aprovado, para então você poder procurar o melhor negócio de acordo com sua disposição de investimento.

Planeje e escolha a sua hipoteca

A hipoteca certa para você vai depender de uma variedade de fatores, incluindo o imóvel que se deseja comprar, o montante do empréstimo que será necessário, o valor de depósito que você está disposto a pagar e seu estilo de vida. Os diversos bancos e credores têm critérios diferentes de concessão de empréstimos e cada instituição utiliza diretrizes próprias para avaliar a capacidade do mutuário para pagar um certo montante de empréstimo. Alguns dos fatores-chave que as instituições de crédito vão olhar são:

  • Outros compromissos financeiros que você possa ter no momento do pedido de empréstimo, incluindo aí dívidas de cartão de crédito e seus limites. De acordo com as leis do banco central dos EAU, não mais do que 50% de sua renda total deve estar comprometida para pagar as suas dívidas, incluindo os pagamentos de hipoteca, cartões de crédito, outros empréstimos;
  • Renda atual e qual o tipo de renda (a tempo integral, contrato específico, etc.);
  • O montante do empréstimo em relação ao valor do imóvel que pretende comprar;
  • Fatores de estilo de vida tais como o número de dependentes. etc.
  • Tipo de empréstimo solicitado
  • Despesas gerais
  • Poupança corrente e outros ativos

Entenda seu contrato de hipoteca

Seu contrato de hipoteca é um instrumento muito importante, pois nele está comprometido todo seu investimento imobiliário objeto do contrato. Portanto leia cuidadosamente o contrato e entenda suas regras e tudo que é possível, o que não é possível e os encargos que cada alteração dessas podem trazer para você.

Parte da terminologia que você vai se deparar no seu pedido de hipoteca está explicado abaixo, e é importante se familiarizar com esses termos para que você possa entender completamente as condições contratuais de sua hipoteca. Isso irá ajudá-lo a decidir sobre o melhor negócio para você e também irá ajudá-lo com o orçamento futuro.

Early Repayment Charge – ERC (Custo pelo Reembolso Antecipado): Esta é uma penalidade imposta pelos credores para aqueles mutuários que desejam pagar o montante do empréstimo antes do prazo acordado no contrato de empréstimo. ERC varia de acordo com a hipoteca, se é um empréstimo de taxa de juros fixa ou variável.

Loan-to-Value Ratio – LTV (Relação entre empréstimo e o valor do imóvel): A LTV é a relação entre o montante de dinheiro emprestado em relação ao valor do imóvel. Se o LTV é de 80%, isso significa que o mutuário estará fazendo um pagamento inicial de 20% e aplicou para um empréstimo hipotecário de 80% do valor da propriedade.

Equity Release (Capital realizado): O capital realizado não é nada mais que a diferença entre o valor de sua propriedade e o que você ainda deve. Como você faz pagamentos, a quantidade que você deve na propriedade começa a diminuir e você vai realizando seu capital em sua propriedade; o mesmo é verdadeiro se o valor da propriedade sobe a partir do momento em que ele foi adquirido. Muitos credores vão permitir que os mutuários possam usar esse capital para outros fins de financiamento; portanto, dependendo das circunstâncias financeiras, o capital realizado em sua propriedade pode ser liberado para financiar outras necessidades, como comprar um carro ou construir uma carteira de investimentos. A liberação do capital realizado é uma ótima maneira de conseguir dinheiro além do valor da propriedade que você possui.

Re-hipoteca: Refere-se a uma mudança de credor durante o prazo de seu empréstimo; um mutuário pode decidir alterar os credores para aproveitar as taxas de promoção ou opções de empréstimo mais atraentes. No entanto vale a pena considerar o atual relacionamento que você tem com a sua instituição de crédito, pois se você está satisfeito com o relacionamento com a sua instituição de crédito, ao mudar para um novo credor você terá que construir essa relação novamente. Os benefícios de uma mudança de credores também têm de levar em consideração outros encargos de reembolso antecipado ou taxas de processamento que podem onerar toda a vantagem obtida.

Opções de reembolso de hipoteca

Existem diferentes métodos de pagamento, quando se trata de reembolsar uma hipoteca:

Capital and Interest (Renegociação da Hipoteca): Esta é a forma mais comum de reembolso do empréstimo; que envolve a realização de pagamentos regulares de capital e de juros ao longo de um prazo definido. Aqui as parcelas mensais da hipoteca incorporam uma parte relativa ao reembolso do valor do principal, e outra referente aos juros. Durante os primeiros anos de pagamento, a componente de juro é geralmente maior, com apenas uma pequena parte do pagamento do valor principal. Conforme o prazo do contrato avança, a parcela de pagamentos do principal vai aumentando com o componente de juros decrescendo. Em geral, os bancos oferecem um prazo de hipoteca de até um máximo de 25 anos ou limitado à idade máxima de 70 anos para os cidadãos dos EAU ou estrangeiros autônomos e em 65 anos de idade para os estrangeiros empregados, o que ocorrer mais cedo.

Pagamentos só de juros: Este tipo de opção de reembolso do empréstimo geralmente é oferecido somente para as propriedades que estão em construção. Durante a vigência da obra as parcelas somente referem-se aos juros, e nenhum capital é reembolsado durante esse período. Entretanto as opções de reembolso de somente juros podem ser oferecidos por um período máximo somente de 5 anos.

Reembolso parcial de juros e principal: Como o nome sugere, os mutuários podem optar pelo reembolso por uma percentagem só de juros e outro percentual do valor principal da hipoteca, de forma a melhor atender às suas necessidades.

Formas de Pagamento e Taxas

Depósitos e pagamento inicial: O depósito mínimo que você vai ser obrigado a pagar em sua casa irá variar entre os credores e também vai depender do tipo de hipoteca que você optar. Como regra geral, estrangeiros que compram uma casa com o propósito de viver vão ser obrigados a pagar um adiantamento de 25 – 35% do valor do imóvel. Se você é um investidor estrangeiro terá de fazer um adiantamento de 40% do valor da propriedade. Planos de pagamento de propriedades fora de um lançamento regular por uma incorporadora incorrem num maior pagamento de 50% do valor do imóvel e este pré-pagamento deve vir de seus próprios fundos.

Empréstimo com Seguro de Proteção (Mortgage Life Insurance): Este é geralmente um requisito obrigatório a todos os credores em Dubai e que paga o saldo da hipoteca em sua propriedade no caso de sua morte. Isso é particularmente útil se você tem um cônjuge e filhos que pretendem viver na propriedade após a sua morte, mas são incapazes de fazer os pagamentos de hipoteca regulares. Outras formas de proteção e seguro também estão disponíveis para a proteção a deficientes e doentes terminais.

Hipotecas com taxa Fixa ou Variável: Quando você aplica para uma hipoteca, os credores podem oferecer-lhe uma taxa fixa ou variável para o pagamento da sua hipoteca, ou até uma combinação dos dois. Hipotecas de taxa fixa têm uma taxa de juro fixa por todo o prazo da hipoteca; esta taxa é determinada antes de assinar a carta de oferta da hipoteca e geralmente é oferecido por um período de um, dois, três ou cinco anos, embora alguns credores podem oferecer uma taxa de juro fixa para todo o prazo do empréstimo. As hipotecas com taxas de juros fixas têm várias vantagens e podem ser uma opção melhor para você, pelas seguintes razões:

  • Você tem um orçamento para pagamentos da hipoteca onde você sabe a taxa de juros e ela não vai mudar durante o prazo acordado.
  • Se você tem uma previsão de que as taxas de hipoteca podem ter uma tendência de alta, a taxa fixa é uma possibilidade de travar em uma taxa sem variações.
  • Se você quer saber com antecedência em quanto será o seu pagamento mensal.

É importante entender que uma vez que o prazo das parcelas de taxa de juros fixa chega ao fim, ela será substituída por uma taxa de juro variável; esta é muitas vezes chamada como uma taxa de juros de continuação. Certifique-se sempre de que você entendeu corretamente qual será a taxa variável antes de se comprometer a tomar o empréstimo.

Hipotecas com taxas de juros variáveis são aqueles em que as taxas de juros são dependentes de fatores de mercado e podem mudar a qualquer momento durante o prazo do empréstimo. Embora seja impossível determinar o quanto o seu pagamento mensal pode variar, hipotecas de taxa variável podem ser uma melhor opção para você se:

  • Você acredita que há uma forte possibilidade de que as taxas de juros vão estabilizar ou reduzir ao longo do prazo do seu empréstimo;
  • Você tem uma flexibilidade financeira para lidar com um aumento nas parcelas de pagamentos da hipoteca caso as taxas de juro aumentem;
  • Os valores das parcelas com taxas de juros variáveis são menores, pois não tem valores de incertezas embutidos.

Antes de assinar um contrato de empréstimo, é crucial entender como as taxas de juros fixas e variáveis podem afetar seus pagamentos, para você escolher o que é mais adequado para suas necessidades.

Conclusão

Muitos candidatos cometem o erro de ir direto falar com seus gerentes nos seus bancos para contratar os empréstimos hipotecários; no entanto eles podem estar perdendo melhores ofertas que podem ser obtidas caso decidam fazer uma pequena pesquisa. Se só o pensamento de lidar com a hipoteca parece ser muito complicado, lembre-se que existem corretores especializados em hipotecas que podem fazer todo o trabalho braçal para você e também vão ajudar muito com toda a papelada e documentação necessária. Você pode comparar as ofertas de taxas de juros no website em Souqalmal.com , que mostram taxas de juros para bancos internacionais como o HSBC, bem como os bancos locais, como Mashreq e Emirates NBD.

Caso precise de ajuda para fazer sua hipoteca, venha conversar conosco da HC Corporate que teremos muita satisfação em ajudá-lo.

Referência: Getting a Mortgage in Dubai, by LivinginDubai

 

Anúncios
Padrão

Um comentário sobre “Como conseguir uma hipoteca em Dubai! Além de simples é um bom negócio.

  1. Pingback: Guia Como Comprar Imóveis no Exterior 2017: 20 Posts Para Começar a Investir Hoje! | HC Corporate Imóvel no Exterior, Investimento Exterior e Investimento Imobiliário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s